…….Your and My Asylum…… …………..Capítulo 1…………..


yma_c1

.

.

Eu abri meus olhos. O cheiro de mofo perfurou meu nariz.

Eu tossi e olhei para a área ao redor. Um espaço confinado composto por paredes de pedra úmidas. Excluindo a porta de ferro a minha frente, nada mais existia. O pensamento de que esta sala era semelhante a uma solitária me veio a mente. Se realmente for assim, essa muito provavelmente era uma solitária.

O cheiro de mofo.

Embora sentisse que existe uma grande pilha de perguntas as quais poderia fazer, questionamentos como: ‘Onde estou?’, não eram importantes. O que faria com essa informação? Não fazia sentido. Os pontos cruciais eram ‘Por que fui trazido aqui?’, ‘Como fui trazido aqui?’ e ‘O que vou fazer a partir de agora?’.

Enquanto tocava o rosário(budista) em meu pulso, me lembrei do dia anterior.

Não aconteceu nada particularmente diferente do normal. Mesmo depois do Ano Novo ter passado, eu acordei às 5 novamente, lavei o rosto, tomei um banho depois de sair para uma corrida leve, fiz o café da manhã, comi com meu tio, minha tia e Miyeong, minha prima mais nova, e lavei os pratos depois. Fui para o cursinho depois. Já que entraria no meu terceiro ano de ensino médio assim que essas férias de inverno acabassem, eu me envolvi mais com os estudos. À tarde, fui ao hospital e visitei Minhee. Depois, voltei para casa e me exercitei por mais uma hora. Depois de limpar a casa, eu preparei o jantar e comi com minha tia e Miyeong. Em seguida, lavei os pratos, voltei ao meu quarto para fazer o meu trabalho de casa e quando terminei de lavar a roupa, meu tio chegou do trabalho, então fiz o jantar para ele e lavei os pratos novamente. Quando terminei de fazer tudo isso, já eram 10 horas, então estudei até meia noite e fui dormir.

Mas, quando abri os olhos, estava aqui. Pensei enquanto tocava meu rosário, sentindo-me um pouco perturbado.

Verifiquei minhas roupas. Tudo o que tinha era o pijama que coloquei antes de ir dormir e o rosário que sempre uso em meu pulso direito. Os óculos que coloquei ao lado do meu travesseiro haviam desaparecido. Embora tivesse encontrado o meu celular após procurar meus bolsos, o ícone de ‘sem sinal’ era claro na tela.

Por conseguinte, não importa o quanto tenha usado a cabeça, só pude concluir que tinha sido sequestrado e confinado em uma solitária cheia de mofo, onde luzes e sinais de rádio não podiam entrar. Não, isso era pior do que uma solitária. Não havia sequer um banheiro aqui.

“É você, Chanmi?”

A líder dos valentões que me atormentavam – a estimada filha do Conglomerado Joo – chamei Joo Chanmi e olhei em volta. “Desista. Nós resolvemos tudo há um ano, não é? Fazer algo assim agora só tornará tudo ainda mais vergonhoso para você mesma.”

Não havia necessidade de fingir atitude. Desde que Minhee foi internada no hospital, sempre me mantive calmo.

“Você provavelmente não entenderia mesmo que eu explicasse as punições envolvendo um crime desses. Mesmo assim, eu pensei que teria, pelo menos, alguma dignidade, mas parece que você não tem nem isso?”

O que me levou a ser atormentado foi algo trivial. Embora o motivo por trás do meu desejo de acabar com tais ataques não fosse trivial, fora aquela vez especial, o método que usei para acabar com o bullying não foi nada muito incrível. Eu fragmentei o grupinho de Chanmi e criei minha própria ‘facção’. Se você olhasse calmamente, a luta era como um tipo de xadrez, janggi ou Go. Era irrefutavelmente um jogo de tabuleiro e, no final, a minha facção dominou a de Chanmi – vencendo por uma estreita margem.

Por isso, aquela ‘Guerra dos 8 Anos’ deveria ter sido resolvida há um ano, durante o 18º verão de minha vida.

“Estou desapontado. Ou é porque o modo que terminei tudo não foi apropriado?”

Não havia outros métodos para explicar essa situação. Seria diferente se eu tivesse sido atingido na parte de trás da cabeça enquanto andava pelas ruas, mas para ser capaz de sequestrar uma pessoa que estava dormindo em sua cama, dentro de sua casa, e para construir algo semelhante a uma solitária como esta, essas coisas só podiam ser feitas por alguém que possui uma quantidade considerável de riqueza e de mão-de-obra, e entre as pessoas que possuem tudo isso, a única que tinha uma relação ruim comigo era Chanmi.

“Joo Chanmi.”

Eu me levantei. Este espaço fechado era apertado não importa se eu estava de pé ou deitado. Apesar de que, se minha prima mais velha, que atualmente está trabalhando para o governo, estivesse aqui, ela muito provavelmente conseguiria medir com precisão o tamanho dessa sala. Baseando-se em meus próprios olhos para fazer uma medida aproximada, tanto a largura quanto a altura pareciam estar em torno de 2 metros. Sem se esquecer do cheiro pútrido de mofo.

Já que eu não encontraria nada, não importa quanto olhasse os arredores, me aproximei da porta. Era uma porta pesada feita com algum material preto, com um punho imóvel ligado a ela. Tentei colocar os dois braços contra a porta e empurrar, mas ela não abriu. Eu desisti de meu esforço inútil e decidi olhar a porta com mais cuidado… E descobri algo.

Na porta, havia um buraco pequeno, mais ou menos a 1,5 metros de altura do chão. Era um buraco feito com o único propósito de permitir-se olhar lá fora. Já que eu tinha 1,75 m de altura, era preciso dobrar minhas costas a fim de olhar o que tinha do outro lado da porta. Contemplei por um momento. Entretanto, como não haviam outros métodos, olhei através do buraco.

Assim que olhei, eu encontrei o olho de alguém.
.

1gap

.
Na primeira metade, eu fui atormentado normalmente por 4 anos. Na segunda metade, eu lutei por 4 anos. Consequências: a quantidade de tempo que passei como vencedor foi de pouco mais de 1 ano. Como eu tinha gasto meu tempo gerenciando os problemas na escola e sendo tratado mal em casa, essa quantidade de tempo não foi nem remotamente o suficiente para me fazer esquecer meus instintos de sobrevivência. A capacidade de ler o fluxo de emoções e a atmosfera de outra pessoa ainda estava funcionando dentro de mim. O olho que encontrei, de acordo com meu julgamento, era-

Primeiro, eles eram de um cinza prateado que parecia como se pudesse abolir a escuridão apesar de ser semelhante à neve espessa que havia sido pisada e esmagada.

Situada bem no centro dos olhos, uma certa ruptura.

Além disso, mesmo quando os nossos olhos se encontraram, não houve movimento algum de seus olhos, eles não piscaram nem estremecerem.

E como se estivesse vendo algo extremamente engraçado – estava sorrindo.

“…………………………….”

Mais força passou pela minha mão que segurava o rosário. Aperta. Como se estivesse tentando quebrá-lo, pressionei ainda mais. Eu consegui recuperar parcialmente a compostura após pressionar uma conta de cada vez. Está bem. Está tudo bem. Fique calmo. Acalme-se. Pense. [Yujin, sua cabeça não é realmente boa?] Isso mesmo. Já que tenho uma boa cabeça, preciso pensar calmamente o tempo todo e onde quer que eu esteja.
(Zero: A fala entre colchetes e em itálico é ele lembrando de alguém falando.)

“Quem é você?”

Eu perguntei quietamente. Olhos cinza? Essa é a primeira vez que os vejo.

“Você tem alguma ligação com Chanmi?”

Uma estrangeira? É impossível existir pupilas desse tipo de prata, então deve ser um tom incrivelmente diluído de azul. Portanto, a cor base é azul, o que significa que ela é provavelmente estrangeira. Chanmi contratou uma estrangeira? Embora nada seja impossível para ela, isso não é exagero? No momento em que pensei isso…

A outra parte começou a rir.

Ah hah. Uma risada estranha. Ah hah hah ha ha. Um som nada natural, que exigia mover a língua de propósito para fazer, mas, mesmo assim, ela parecia estar verdadeiramente desfrutando da situação. Ah ha, ah ha ha ha ha, ah hah ha…… O olho do outro lado do buraco da porta estava tremendo ligeiramente. As pupilas não tremiam, mas o movimento da cabeça fazia parecer como se estivessem. Os próprios olhos, sem sequer o menor sinal de oscilação, ainda sorriam.

Sem falar nada, esperei que a risada cessasse. Enquanto a plasticidade transparente fluía, o cheiro de mofo invadiu meu nariz. Um cheiro terrível. Eventualmente, a risada parou, mas o cheiro que parecia ter sido agitado pelo barulho não foi a lugar nenhum.

A outra parte falou.

“Chanmi? Quem é essaaaaa?”
(Zero: É normal ela falar alongando a última/penúltima palavra~)

Era uma menina. Era uma voz jovem que ainda não tinha sido ‘quebrada'(as garotas experimentam algo semelhante à quebra de voz, como os garotos na puberdade). De alguma forma, sua pronúncia estranha me deixou ainda mais certo de minha suposição sobre ela ser estrangeira. Além disso, fiquei certo de outro fato. Aquela era a primeira vez que tinha ouvido essa voz.

“Quem é você?”

Só então minha voz mudou um pouco, não perdi a compostura, mas ela foi preenchida por um toque de preocupação.

“Você está falando de mim? Está curiosooo—?” Por outro lado, a voz dela carregava ainda mais espírito. O som de suas risadas reverberou mais uma vez. “Okay. Vou te ensinaarrr—.”

Seus olhos se afastaram do buraco, mas como o campo de visão já era muito estreito, eu não conseguia ver nada longe.

“Bem, então… Eu… sou…”

‘Você vai ficar surpreso!’ Eu senti que o corpo dela estava dizendo isso enquanto estufava o peito. A visão da borda de suas roupas subindo e descendo entrou em meu campo de visão uma única vez antes de desaparecer.

“A Primeira Entrave dos Céus, dos 12 Entraves Celestes, o céu mais profundo!!!”

As bordas esvoaçantes de suas roupas apareciam em meu campo de visão ocasionalmente antes de desaparecerem mais uma vez. Era uma saia ou uma túnica. De qualquer modo, ela estava usando roupas amplas.

“Embora também possa se referir a mim como ‘A Porta de Simla (O Portão Perdido)’. Eu sou aquela a que todos se referem como ‘A Invocadora Universal (Princesa: Featly)’⎯⎯⎯ !!”

Parecia que ela tinha usado a pose de apertar a mão contra a testa enquanto grita: ‘Que descortês!’, mas eu não conseguia vê-la.

“A Feiticeira e Senhora da Cidade do Confinamento (O Hospício)!! Eu sou a Condessa do Leão de Prata!!”

Ainda bem que a porta estava fechada. Se estivesse aberta, então meus tímpanos teriam explodido. Enquanto pensava nisso, a auto-proclamada Primeira Entrave dos Céus dos 12 Entraves Celestiais, Invocadora Universal, Condessa do Leão de Prata apareceu do outro lado do buraco mais uma vez. Vendo como deu para ouvir um grande ‘Thud!’, parece que ela cabeceou a porta.

“E a razão pela qual você está aqui, é! porque! eu! invoquei você com um bang–!! Já que minha especialidade é invocar!!!” Seus olhos se afastaram por um momento antes de Thud! Ela deu mais uma cabeçada, que foi acompanhada pelo pequeno sacudir da porta. “E então? A sua curiosidade foi saciada? Ah hah ha ha ha ha ha~~~!!”

Sim, eu descobri que você é uma maldita lunática. Pensei.

.1gap.

Deixando de lado a tagarela da Condessa do Leão de Prata (auto-proclamada), relembrei dos fatos que consegui reunir.

.

Primeiro, eu fui sequestrado.

Segundo, parece que o sequestrador é a pessoa do outro lado da porta, e ela é uma garota que eu nunca vi antes.

Terceiro, o sequestrador é alguém que atribui apelidos ridículos a si mesma, como “Feiticeira e Senhora” e “Invocadora Universal”. Então… é uma lunática que está sofrendo de chuunibyou (doença), como Eunji ou Hanjeun.

Quarto, embora o que esta garota planeja fazer comigo é um mistério, seja esta porta de ferro ou essa solitária…… Isto já está longe de ser um crime que poderia ser aliviado simplesmente dizendo: ‘Desculpa, minhas brincadeiras foram um pouco longe demais, ehe’.

.

Eu girei o rosário em meu pulso.

‘Não f*de comigo!’ Ficar com raiva desse jeito seria fácil. ‘O que você pensa que está fazendo!?’ gritar assim também seria simples. Entretanto, o que mudaria se o fizesse? Sou eu que estou preso. O fato de que se deve evitar comportamentos precipitados até ser capaz de descobrir quais são as intenções da outra parte, isso é algo tão óbvio que eu não teria de passar pela ‘Guerra dos 8 Anos’ com Chanmi para saber. Eu falei em uma voz que não invocaria irritação:

“Eu sou Han Yujin. Como pode ver, sou homem e vou entrar no meu terceiro ano do ensino médio em breve. Vou completar 19 anos este ano.”

Não importa quão ridículas as palavras da outra parte possam ser, você deve responder adequadamente. Você tem que se apresentar. Se você deseja implantar o fato de que você possui uma ‘vida que você viveu até agora’ e que você é um ‘ser humano’ na outra parte, então este é um dos melhores métodos. Se você falhasse em fazer a outra parte estar ciente destes fatos, ela não o considerará como um ser humano igual—  e  —fará coisas cruéis a você sem ter sequer um pingo de culpa ou peso na consciência. A razão pela qual os nazistas foram capazes de massacrar os judeus foi porque os judeus não eram considerados ‘seres humanos iguais’ para eles.

“Eu gosto de chá verde, injeolmi e música clássica. Não gosto de nada que dê muito estímulo.”

Nesta situação, descobrir que a outra parte é mais jovem do que você nunca é uma boa variável. Eu ainda tenho que esquecer o incidente envolvendo uma pessoa chamada Shin Eunji— a pessoa que declarou que, como o anjo negro do Coro de Alcania, ele possuía 7 personalidades diferentes e cada personalidade tinha sua própria habilidade especial (por alguma razão os nomes de cada personalidade eram em japonês). O fato de que esses tipos de pessoa não amadurecem, que é quase impossível de raciocinar com elas, que elas não têm auto-restrição alguma em suas ações e que essas características por si só já criavam um indivíduo aterrorizante, isso era algo que tinha sido gravado em meus ossos.

“Então, Senhorita Condessa do Leão de Prata, com que propósito você me invocou?”

A Condessa piscou em surpresa, mas rapidamente, seu sorriso voltou.

“Ah hah ha ah. Mm. Você não está calmo demaaiissss~?”

“Isso é surpreendente?”

“Nooope!! Bem, está dentro das expectativas. Dentro delas.” Ela falou depois de rir um pouco, “Algo como tentar usar sua cabeça para pensar em pequenos truquezinhos. Eu posso entender isso claaaaramente~”

“Isso foi rude. Eu não estou usando a cabeça para pensar em truques.”

“Então você está usando a cabeça para cultivar cabelo branco?”

“Embora eu não tenha nenhum…”

Agora que a situação está assim, talvez alguns resultados realmente apareçam.

De qualquer forma, ela está errada. Eu realmente não estou tentando pensar em ‘pequenos truquezinhos’. Estou apenas usando todas as minhas capacidades humanas para utilizar minha mente ao máximo. <Será que ela realmente não está relacionada com Joo Chanmi?> <Então, esse comportamento lunático dela é um ato?>

“De qualquer modo, por que você me invocou? Deve haver uma razão.”

<Você não precisa de uma razão só porque é louca?> chuunibyou estava interessada em algo sobre mim.> <Claro, tenho orgulho de minha habilidade de me manter calmo também.> <Não importa o quanto pense sobre isso, eu não consigo descobrir uma razão…> <Bem, então será que devo confirmar com ela mesmo?>

⎯⎯⎯⎯Vamos seguir o ritmo dela⎯⎯⎯⎯

“Talvez eu tenha o sangue de um herói destinado a salvar este mundo?”

“Pbbt ··· !?” Só queria replicar que uma criança não deveria fazer um som tão grosseiro. “Eub. Ehem. Mm. Era uma piada? Ou estava falando sério? De qualquer jeito, bzzt! Não. Resposta errada!”

Consegui receber uma resposta. Então tudo o que posso fazer é continuar perguntando.

“Então, o que é? Eu tenho que me casar com você?”

“Pfft? Pbbbt. Não é isso! Ah hah hah ha ha. Você realmente é interessante.”

Se não está convocando um herói ou um amante, então entre as outras configurações chuunibyou, só há uma restante. Já que o apelido dela também parece combinar com essa configuração, talvez seja isso.

“Então eu sou um familiar? Pegue leve comigo, tenho que me preparar para o SAT ainda este ano.”

“Familiar? Mm. Agora você está chegando um poooouco mais perto… Mas bzzt! Absolutamente bzzt! Não é algo tão estúpido assim, Kuzato-Rospiante!!”

A garota falou algo em uma linguagem de outro mundo e começou a rir. De repente, ela estendeu os ombros como se esticasse seu corpo.

“A resposta ééé!”

Bang! Ela bateu na porta.

“Um brinquedo para ser torturado!”

Bang! Ela bateu na porta novamente.

“De agora em diante, você será torturado!!! Bem, bem. Vou fincar um garfo embaixo de sua unha e BAM! Vou levantá-lo usando um princípio de alavanca. Eu vou usar um cortador de unhas e clipclipclipclipclip suas pálpebras fora. Eu vou pegar um par de tesouras e lightyslightlyslightlyslightlyly cortar seus lábios! Aah, mas está tudo bem! Não se preocupe, já que eu não vou penetrar no seu cérebro quando eu fincar, fincar, fincar pauzinhos em seus ouvidos! Por quê? Mm, a razão é… Se eu fizer algo assim, então em um instante, wooooosh, em um instaaante…”

BANG !! Gostaria de saber se ela tinha batido na porta com a palma da mão, já que a porta inteira chacoalhou.

“Você vai morreeerrrrrr, ha ha ha ha! Não vou matá-lo imediatamente. É por isso que está tudo bem. Preocupações ZERO!”

A garota gritou enquanto batia na porta. Houveram dois pensamentos que passaram pela minha mente enquanto eu girava o rosário em meu pulso. Que essa garota realmente tem alta tensão…

E…

Que esta situação é muito mais perigosa do que eu pensava inicialmente.

.

1gap

.

“Agora eu entendo o que você pretende fazer comigo.”

Eu não fiz descaso da outra parte. Tive certeza de não deixá-la se sentir desprezada. Portanto, não falei sarcasticamente. Sempre tratando-a como um ser humano adequado. Mesmo enquanto me comportava de tal modo, não coloquei um sorriso falso em meu rosto. Falei calmamente, em um tom de voz que não a irritou, exatamente como o vencedor da ‘Guerra dos 8 Anos’ deveria se comportar.

“Mas você poderia não bater na porta? Sua mão deve doer.”

“Pbbt? Eub. Ah hah hah ha hang~ Ainda com os truquezinhos⎯⎯⎯? Normalmente as pessoas que se encontram nesse tipo de situação caem em desespero, começam a chorar, ou ficam loucas, sabia? Ooh~ Talvez, você ache que isso é uma piada? Você acha que isso é algum tipo de pegadinhaaaa?”

“Não acho.” Afinal, essa situação já passou dos limites possíveis de uma pegadinha faz tempo. “Além disso, se uma garota rir de modo tão indigno, as pessoas começarão a suspeitar de sua classe, Senhorita Condessa do Leão de Prata.”

As pupilas prateadas da Condessa, que parara de se mover por um instante, brilharam. Continuei falando antes que aquele sorriso pudesse voltar aos seu rosto.

“Só foi metade.”

“Hmm? Como assim?”

“Só metade da resposta. Eu perguntei ‘porque/me/invocou’. Estou grato que tenha me explicado a razão por trás do ‘porque’ e do ‘invocou’, mas por quê ‘me’, ou seja, por quê eu? Existe uma razão especial?”

“Ah, isssssso.”

O seu sorriso se aprofundou. Esse comportamento, se eu rever os padrões até agora…

“Talvez… Você esteja tentando me dizer que fui escolhido por acaso?”

Contração muscular. A Condessa respondeu com um “Mm-.”

“Coreanos não deviam ter a capacidade de ler mentes.”

Ei, para saber que sou coreano mesmo tendo dito que fui invocado. Belo cenário conveniente esse seu, sua chuunibyou.

Enfim, parece que eu estava certo. Se você deixar de lado o cenário chuunibyou, então isso significa que fui o escolhido quando a ordem ‘Capture qualquer um.’ foi dada a seus subordinados (estejam eles obedecendo por dinheiro ou por autoridade). Semelhante a esses crimes urbanos de alunas sendo sequestradas por vans em becos, infelizmente, eu acabei sendo alvo de um desses ‘atos indiscriminados e cruéis.’

No entanto, sendo assim, ainda há um fato que não consigo entender. Eu estava dormindo em minha casa, no meu quarto, e na minha cama. Mesmo que fosse esse tipo de sequestro indiscriminado, invadir a casa de uma pessoa aleatória não é arriscado demais? Bem, vou adiar essa questão por enquanto.

“Mas por que quer me torturar?”

“Está interessado?”

“Sim. É parecido com o sentimento de chutar um cachorro?”

“Mm, bem, é parecido…… Tem muitas, muuu~itas coisas irritantes empilhadas. Ehem. Preciso de alguém em quem desabafar.”

“Você não é uma Condessa? Você pode torturar seus súditos.”

“Seu idiota!” A Condessa do Leão de Prata gritou e bateu com força na porta. Depois disso, pude ouvir o som dela pulando, como se estivesse com dor.

“Uu~ Minha mão~ Mmm. Haverá problemas se eu torturar pessoas do meu mundo. Por isso, Mongado apropriadamente!

“Apropriadamente?

“Atormentar seres de mundos completamente diferentes não é! mais! racional!?”

Realmente, essas são coisas fora do limite.

Fazer mal aos outros significa fazer mal ao ofensor também. O método mais clássico, porém eficaz, de proteger-se contra esse dano reflexivo é a controvérsia que mencionei anteriormente entre os nazistas e os judeus. Por isso, ‘o limite’. Depois de ter criado um limite, você pode evitar qualquer tipo de empatia, declarando que você e as pessoas em questão são seres completamente diferentes. Entendi agora o que essa auto-proclamada ‘Condessa do Leão de Prata’ queria quando me chamava de ‘invocação’. Já que sou um ser alheio de outro mundo, declarando-me como tal, ela é capaz de obter uma imunidade psicológica… Provavelmente é isso que ela quis me dizer.

Seja o que for, a essência era algo insignificante.

“Você vai fazer isso imediatamente?”

“Yuup~ ♪”

Uma resposta imediata. Eu realmente fui pego por uma pessoa ruim.

“Como? Você vai abrir a porta e entrar? Não estou preso, sabia?”

“Hmm? Você pretende resistir?”

“Isso é óbvio, você disse que vai me torturar. Ou você planeja usar magia para que eu não possa me mover?”

Ela vai usar gás sonífero ou talvez um taser? Se for esse o caso, este buraco pelo qual estou olhando-a pode ser perigoso. Quem sabe quando algo afiado poderia vir através dele. Para começar, eu me afastei do buraco e empurrei minhas costas contra a parede. Mesmo assim, a Condessa falou em um tom bem clamo:

“Mm, não. Eu não posso usar nenhum feitiço além de invocar. Além disso, mesmo essa habilidade de invocação⎯⎯⎯”

Abruptamente, a sensação de queda me envolveu.

“Huh?” Sem sequer ser capaz de reagir, eu caí para trás. Thud······!! “Kuh ······!” Uma sensação de impacto se espalhou pela minha bunda, costas, e parte de trás da minha cabeça. Meu campo de visão se distorceu por um momento antes de retornar ao normal. E então, em meu campo de visão recuperado, eu já não via o teto que estava somente a 2 metros de altura…

Estava bem mais alto que antes, minha visão agora estava direcionada para o teto de um… corredor?

“Desse jeito, só posso teletransportar meu alvo diretamente para minha frente. Não é como aquelas novels coreanas de fantasia onde um voto de lealdade vem junto. Desapontante, desapontante.”

E perto dos pés do meu corpo esparramado, havia um pé com meias pretas, quero dizer, havia uma menina de cabelos prateados em pé, com os braços cruzados de forma imponente.

.

1gap

.

…………………. O quê?

O que…… O que acabou………. de acontecer?

Eu estava……. Uh… yeah, a porta estava a minha frente enquanto eu estava encostado na parede de trás da cela, certo? Mas… de repente pareceu que a parede atrás de mim tinha desaparecido…… e no momento seguinte, eu estava em um corredor. Não, para ser exato, eu fui levado ao corredor instantaneamente e, por isso, a parede na qual me apoiava não estava mais lá, me fazendo cair para trás…… mas por quê? Como? Algo assim é impossível…… teletransporte? Não pode ser…… ou talvez aquela parede era retrátil e esse corredor está localizado atrás dela…… espera, então quem é a pessoa com quem fiz contato visual através da porta…… é ela…… são aqueles olhos…… mas…… não, não.

Nãonãonãonãonão.

Não.

Acalme-se. Mantenha autocontrole. [Yujin, sua cabeça não é realmente boa?]. Sim, a ‘Guerra dos 8 Anos’, pense nela, pensepensepensepense. Okay. Enquanto continuar com a cabeça fria, eu posso analisar, desenterrar, e redefinir qualquer coisa. Não é difícil. Não é nada difícil.

Se acalme, Yujin.

Minha compostura começou a retornar à medida que eu apertava com mais força meu rosário. Eu levantei minha cabeça e olhei para a menina ao lado de meus pés, a ‘Condessa do Leão de Prata’.

A coisa que mais se destacava era o cabelo prateado. Embora, normalmente, quando alguém menciona o termo “cabelo prateado”, a imagem de um cabelo natural lustroso venha à mente, nesse caso, o cabelo dela estava totalmente desgrenhado, como a juba de um leão. Havia um senso de beleza e inteligência em seus olhos radiantes, nos quais haviam lindas pupilas prateadas que abrigavam grande escuridão. Nariz afiado e pele clara. Havia uma delicada cor rosa pálido, tão leve quanto uma folha ao vento, em seus lábios. Dentro daqueles lábios ligeiramente entreabertos, haviam dois dentes desalinhados—- não, haviam caninos protuberantes e uma pequena língua, vermelha como brasa.

Ela era baixa. Algo em torno de 1,5m. Por alguma razão, eu tinha certeza absoluta de que ela não estava nos últimos anos de sua adolescência. Já que tinha um anel em cada um de seus 10 dedos, e uma pulseira em cada um de seus pulsos, ela emitia uma certa sensação de parvenu. Além disso, o fato de que suas unhas estavam todas pintadas de preto e que havia uma tatuagem na parte de trás de ambas as mãos aumentava o sentimento de parvenu.
(Parvenu: pessoa que atingiu súbita ou recente riqueza e/ou posição social de proeminência, sem no entanto ter adquirido os modos convencionais adequados.)

Combinando com seu cabelo, ela usava um casaco cerimonial branco bordado com fios dourados e bolas de pelúcia anexadas às costuras e mangas de seu casaco. Mesmo a camisa longa e saia que tinham sido puxadas por baixo eram de uma cor branca correspondente. Mas, por algum motivo, apenas o cinto e as meias altas que chegavam até os joelhos eram pretas. Além disso, por algum motivo desconhecido, ela não estava usando sapatos.

Normalmente, seria apropriado dizer que ela tinha uma ‘aparência ocidental’, mas eu não poderia recomendar essa expressão, já que nenhuma garota caucasiana da Terra poderia se parecer com ela. Não, garota nenhuma da Terra poderia se parecer com ela. Especialmente seus olhos – suas pupilas eram diferentes. O sentimento de diferença que senti quando a conheci pela primeira vez era ainda mais óbvio agora, já que estava em um espaço aberto.

Localizada no centro de seu olho, uma cicatriz que parecia mais o resultado de um batida com toda força de uma picareta contra uma parede de gelo—- uma ruptura.

No mesmo momento, entendi duas coisas.

Primeiro, o fato de que essa garota e eu absolutamente não fazíamos parte da mesma ‘humanidade’.

Segundo, o fato de que este é o mesmo sentimento que tive quando conheci Joo Chanmi pela primeira vez— isso é destino, e esse não será um bom vínculo, esse sentimento surgiu após deixar meu coração firmemente apertado.

A Condessa do Leão de Prata, enquanto olhava para mim, deitado naquele estado, riu e ergueu o lenço que tinha na mão direita para cobrir a boca.

“Ah ah ah. É embaraçoso se você me olhar tão intensamente~~.”

Poof. Tudo em minha frente mudou novamente. Ao invés de meus olhos, o que me informou que tinha voltado para a cela solitária foi o fedor penetrante do mofo. Depois de ter experimentado isso duas vezes, o desejo de negar aquela possibilidade não surgiu mais.

“Você…… realmente é uma feiticeira.”

“Mmm?” O olho dela reapareceu no outro lado do buraco da porta. “O que você achou que eu era?”

“Uma criança com chuunibyou.”

“Ufu, ah, ah hah, ah hah ha ha ha ha ha ha ha~~~!!! Uah. Chuunibyou, huh?

“Você entende o que significa, Senhorita Condessa do Leão de Prata?”

“Eu tenho certa familiaridade com a língua coreana~ ♪  Eu sou uma grande gênia quando o assunto é linguagem, sabia?”

“…… Hm.”

Eu respondi vagamente. Os dois fatos que eu tinha que aceitar era que ela conseguia usar essa habilidade de invocação, convocação ou sei lá, e que ela não era o mesmo tipo de ser humano que eu. Qualquer coisa a mais do que isso, por exemplo, a alegação de que essa era a ‘Cidade do Confinamento’ de outro mundo, Entrave dos Céus entre Entraves Celestiais e etc… tudo isso era algo em que não conseguia acreditar. Como acreditaria?

.

Então

.

O que

.

Eu faço para sair daqui?

.

Tenho que continuar calmo – Pensei enquanto segurava as contas de meu rosário firmemente. Em primeiro lugar, se esse fosse o caso, então como ela estava falando em ‘Coreano’? Um ‘feitiço de tradução universal’? Um ‘artefato de comunicação’? Sem chance. Se fosse isso, então como ela entenderia termos como chuunibyou e o que seriam aquelas ‘palavras de outro mundo’ que eram proferidas de tempo em tempo? Além disso, eu também não conseguia entender essa pronúncia meio estrangeira dela. Ou talvez……

Um sorriso obscuro apareceu no rosto da Condessa enquanto me observava.

“Ah hah ha… De qualquer modo, como lhe disse anteriormente, embora eu seja a ‘Invocadora Universal’, que é capaz de invocar diante de si qualquer criatura de qualquer mundo, qualquer dimensão e qualquer universo, se você colocar isto em termos mais simples, isso é tudo o que posso fazer. Já que só posso movê-los para minha frente, eles não entendem imediatamente a situação e não se tornam leais a mim só porque eu os invoquei. Em vez disso, há várias ocasiões em que tentam resistir como loucos ou tentam inventar truquezinhos… como um certo alguém.”

“Que chatice!” Ela disse. Seu olho se afastou suavemente do buraco.

“Agora, então! Vou fazer uma pergunta!”

Step Step. Seus passos se distanciaram.

“Você disse que seu nome era Han Yujin? Mm, o que você acha que eu teria de fazer para ‘ensiná-los’, transformá-los em um ‘escravo’ leal à mim ou em meu próprio ‘animal de estimação’?

Conforme os passos ficavam mais distantes, sua voz tornava-se mais fraca também. Apesar disso, o fato de que sua voz não desapareceu completamente significava que eu provavelmente estava muito focado nela…… E no momento em que consegui pensar tão longe, eu já sabia a resposta.

“Não é nada complicado. É a mesma coisa que todos fazem.”

A capacidade de invocação dessa garota, segundo ela mesma, é apenas capaz de mover a posição de seu alvo. Ela só pode trazer o alvo diante dela, mas em um estado onde eles não entendem a razão ou a situação e não tem uma ligação mental com ela.

“A resposta é.”

Como domar esse tipo de oposição?

Se você excluir controle mental, então há apenas uma outra opção restante.

“Você usa……”

Então talvez essa seja— se essa garota realmente é de outro mundo— a razão pela qual ela é capaz de falar em coreano.

“A vara e a cenoura(punições e recompensas).”

‘E domestica-os.’

“Isssoooo messsmoooooo~!!!”

Meu campo de visão mudou abruptamente, mais uma vez.
.

1gap

.

A primeira coisa que senti foi uma sensação viscosa rastejando pelos meus órgãos respiratórios e se espalhando pelos meus pulmões…

.

O cheiro de sangue.

.

Objetos compostos por madeira e metal em um tom que fazia difícil diferenciar a ferrugem, o sangue e sua cor original

Objetos de tortura.

.

Longe de estarem arrumadas, essas coisas não foram empilhadas nem reunidas, meramente negligenciadas.

Esqueletos.

.

Resíduos vermelhos, verdes, amarelos e rosas misturados.

.

Carne e órgãos internos.

.

E o grupo de oferendas que ainda estavam vivas.

Junto com uma garota, que estava rindo loucamente enquanto olhava para o teto com os dois joelhos ligeiramente curvados, parada ao meu lado. Todas essas coisas entraram em meu campo de visão.

“Ah, ha ha ha ha ha ha ha ha ha! Ah hah, ah hah ha ha ha ha ha ha ha ha!”

A garota andava com passos pesados, e com a vara que segurava em sua mão esquerda—- Smack, ela golpeou uma criatura parecida com uma rã amarrada a um objeto que parecia uma mesa de operações.

“Agora, então. Que tipo de sapo, é esse? Tem de cerca de 3 metros. Mesmo assim, apesar de sua aparência, ele era, uma vez, um bravo guerreiro do mar! Um cidadão de um mundo subaquático, uma forma de vida inteligente!! Ezantel!! Embora no momento só a parte acima de sua cintura permaneça, já que eu o rasguei de pouquinho em pouquinho em pouquinho em pouquinho em pouquinho em pouquinho, começando pelas patas! Haa! Quanto mais ele consegue ficar vivo? Só podemos esperar e ver, certo? Ah hah ha ah.”

E mais uma vez, ela golpeou as costas da criatura, que gemia. “K-toro-kuku-Rra!” O sapo proferiu algo enquanto torcia seu corpo. Isso mesmo, ele ‘proferiu’ algo……. Era o que minha intuição dizia. Embora eu não pudesse entender o sentido de suas palavras, aquele foi um grito tão ‘refinado’ que fez meu sangue congelar. Por outro lado, a Condessa do Leão de Prata riu e sussurrou na orelha do sapo, ‘Sitoros-brrr-Kadal-PeArto’. O sapo parou de se debater e se manteve dócil.

A Condessa deu dois passos para frente. Depois disso, ela acariciou um ser diferente dos humanos na Terra, que também tinha uma aparência diferente da própria Condessa… um ser alado que parecia principalmente com um humano. Haviam incontáveis aparelhos e mangueiras ligadas a esse ser, que estava preso a uma cadeira de aço.

“Agora, por outro lado, esse é um anjo que nasceu no Mundo dos Céus! Ah, mas este “Mundo dos Céus” provavelmente não tem nada a ver com o que as pessoas de seu mundo se referem como Éden ou Valhallaaaa!!! Eu acho que ela disse algo sobre ser originalmente um certo anjo de um certo nível, mas agora ela é apenas um gado leiteiro! Uma máquina para produzir leite! Quer um copo? Claro, é um leite superior! Você não vai se arrepender! É tão delicioso que você vai ficar viciado!! Sério, a popularidade é MÁXIMA! O leite celeste é o melhor de todos os universoooossss!!!”

Eu podia sentir minha respiração acelerar, apesar de que ainda estava segurando meu rosário. A paisagem diante de mim era terrível demais.

O ser alado não podia sequer protestar. Ele não tinha essa possibilidade por causa da mangueira colocada em sua boca. Ele-ela? Ele tinha ambos, então eu não sei como chamá-lo. Em todo caso, a luz nos olhos do anjo já tinha desbotado, como uma moeda velha. A Condessa riu e começou a andar novamente……

“Pare.”

Náusea, enjoo, e um sentimento doentio em meu intestino, que parecia como se tivesse engolido um copo de água do esgoto, fizeram minha visão turvar.

“Pare com isso.”

A ‘Condessa do Leão de Prata’…… disse “Mm?” E olhou para mim. Olhando diretamente para aquelas pupilas prateadas, falei mais uma vez.

“Eu disse para parar. Eu entendo muito bem que…… você está falando a verdade.”

“Hmmm…… Isso mesmo~”

A Condessa riu de leve e caminhou em minha direção, com seus caninos ainda a mostra.

“Maaaaaaas. Só tem um probleminha…… Por que eu tenho que te obedecer?”

Uma calma justa para alguém com tal superioridade esmagadora. Embora minha compostura quase destruída estivesse em uma discussão interna sobre as chances de vitória que teria se atacasse-a neste exato instante, já que eu não estou preso ou amarrado, a intuição que ganhei após ter experimentado a Guerra dos 8 anos com Chanmi estava recusando esta opção. Essa pessoa cometeu atos deste tipo até agora, está cometendo-os, e continuará cometendo-os no futuro. Ela provavelmente já sabe que parece indefesa, o que significa que, naturalmente, tem uma contra medida. Mesmo que ela não tenha pensado nisso, foi o que assumi.

Bem como esperava, a Condessa sorriu e olhou bem nos meus olhos.

“Mm? Por acaso, ‘Eu não estou amarrado, vou correr e acabar com ela’ está passando pela sua cabeça? Ufu, ah hah ha. Claro, a maioria das pessoas geralmente fica em estado de pânico quando vêem isso, então elas sequer são capazes de pensar nisso, mas você não parece fazer parte dessa ‘maioria’. De qualquer jeito, é impossível. Absolutamente impossível. É uma boa ideia desistir, sabe?”

Por causa de sua altura, a Condessa tinha que olhar para cima quando me encarava, mas mesmo assim havia uma sensação imponente, como se eu estivesse sendo pisoteado, que envolvia todo o meu corpo.

“Você sabe por quê? Eu posso, imediatamente—”

“Invocar os seus guardas reais.”

Ela parou por um segundo antes de rir.

“Claro. Além disso, eu ainda posso—”

“Me retornar para a solitária?”

Um silêncio caiu sobre nós.

A Condessa do Leão de Prata inclinou ligeiramente a cabeça. Eu apertei com ainda mais força as contas de meu rosário.

“Você disse que conseguia teletransportar coisas para sua frente, então pode cancelar isso também, certo? Ou seja, o alvo retornará ao lugar onde estava antes de ser invocado. Por exemplo, minha primeira invocação foi da Terra para a cela, minha segunda invocação foi para o corredor, e então a segunda invocação foi cancelada para que voltasse à cela.”

Agora pouco foi uma situação semelhante. Fui invocado da solitária para essa câmara de tortura. Se essa ‘invocação da câmara de tortura’ for cancelada, então eu vou voltar imediatamente para a cela.

“······Como?”

Olhos afiados que, diferentemente de antes, já não demonstravam uma felicidade frívola, me encaravam. Eu não disse a ela que ‘sou capaz de olhar para uma situação com calma, posso ler a atmosfera, não fico assustado pelas , então sou capaz de montar uma série de eventos conforme eles ocorrem, e que por ser capaz de fazer tais coisas, sou capaz de sempre compreender com precisão a situação em que me encontro’.

“Sua vez.”

“Ha? O que você…… ah…… mm. Está me dizendo para adivinhar sua habilidade agora? Mas…… você não veio da Horta nem do Mundo dos Céus…… Você é coreano, não? Não deveria existir nenhuma Sitrodel como essa lá…… magias, habilidades físicas extraordinárias e poderes sagrados não deviam ser conhecidos em seu mundo.”

A garota moveu sua cabeça pra lá e pra cá, inquieta. Eu esperei em silêncio. Ela suspirou.

“Haa, seja o que for. Você está certo. Minha habilidade funciona daquele jeito.”

“Ou seja, se você cancelar a ‘primeira invocação’ da minha cama para aquela cela, então pode me mandar de volta para casa.”

“Correto. Mas, bem, eu não pretendo fazer isso.”

Acabando com esse tópico, ela virou abruptamente. Como se desfrutasse da visão infernal ao seu redor, ela girou não só seu corpo, como também o assunto.

“De qualquer modo, de volta à domesticação. Claro, há problemas com este método também. Por exemplo- não importa quantas armadilhas prepare de antemão- se alguém tremendamente mais forte do que eu acabar sendo invocado, longe de domá-lo, eu provavelmente morreria, sabe? Além disso, já que a maioria dos outros mundos têm desenvolvido Sitrodels…… super poderes– eles rastreiam seu caminho de volta, mesmo após eu ter cancelado a invocação…… Na verdade, já me meti em grandes problemas algumas vezes por causa disso…… Bem, vamos parar de falar sobre esses contos desmoralizantes de fracasso⎯⎯⎯ !!!”

A Condessa sacudiu a cabeça. Seja essa a razão ou não, por enquanto, já que ela é jovem, parece que está acostumada a desviar do tópico enquanto fala.

“Resumindo, dos 12 mundos em que consigo me intrometer, posso brincar com segurança com a maioria dos seres em 5 desses mundos.”

“……E o meu mundo é um desses 5?”

“Yup. Quando foi mesmo? Ah, há 8 anos atrás. Seu mundo- que é chamado de Mundo Zênite aqui, bem, quando estava aleatoriamente invocando um habitante de seu mundo, peguei um coreano. Eu aprendi coreano com essa pessoa. Aprendi muitas dessas e daquelas coisas e daquelas e dessas coisas. E o que aconteceu com aquele coreano…… bem, nunca mais haverá uma ocasião para encontrar aquela pessoa novamente…… Enfim, recebi muitos catalisadores ligados à Coréia daquela pessoa.”

“Catalisadores?”

A Condessa deu um grande sorriso e exibiu sua mão esquerda. Uma sensação de malícia podia ser sentida vindo da tatuagem de um crustáceo na parte de trás de sua mão e do esmalte preto em seu mindinho, anelar e dedo do meio.

“Substâncias necessárias para invocações exatas, invocações com alvos, Lo-Kisa. Também é conhecido como ‘a menor parte da vida de uma pessoa’. Em outras palavras, caspa, cabelo, fluidos corporais, ou alguma outra coisa do tamanho de poeira. Contanto que eu tenha um objeto com qualquer um deles marcando-o, então posso usá-lo para invocar seu proprietário. Além disso, esses catalisadores…… Mm, por exemplo, um casaco. Não seriam só as partes da vida de uma única pessoa que estariam nele.”

Eu entendi o que ela estava tentando dizer. Seja suor, cabelo, caspa, ou algo que caiu sobre o ‘casaco’ de tal pessoa quando passou por outro alguém, isso deixará, sem dúvida, parte da vida do outro, o seu ‘catalisador’, sobre aquele casaco também.

“Assim, POW! Eu trouxe uma pessoa que tinha seu catalisador no 1º coreano. Me acostumei ao coreano um pouco mais, aprendi isso e aquilo com ele, e então POW, invoquei o próximo. Depois o próximo do próximo, POW! Ah ha ah~~”A garota lambeu seus lábios.”Foi bem fácil.”

“E agora chegou em mim?”

“Yuuup~ Sr. Yujin. Você tem algum problema com isso, Sr. Yujin?”

Desde que me tornei órfão, um caso inexplicável de desaparecimento nunca ocorreu com um conhecido. Ao menos, eu tinha uma compreensão de todo o corpo estudantil das minhas escolas (maldita Guerra dos 8 Anos), e as pessoas com quem entrei em contato fora da escola eram apenas meus parentes. Entretanto, não houve casos de desaparecimento entre eles. Isso significa que não era ninguém que eu conhecia.

Se esse é o caso…… algo como esbarrar em alguém no metrô, através desse tipo de ato coincidente, ela foi capaz de obter um pedaço da minha vida e me invocar.

“O que aconteceu com as outras pessoas?”

“Ah hah ha…… O que você acha que aconteceu?”

Eu acabei descobrindo a resposta antes de testemunhar seu sorriso ao morder sua língua estendida para fora. Nesse momento, se não tivesse meu rosário, provavelmente teria sido incapaz de manter minha compostura. Obrigado, Cha Minhee.

Além disso, o que esta garota disse para o sapo há um segundo…… Eu sinto como se pudesse descobrir o que era. ‘Eu vou te matar se você resistir?’, não, isso é ridículo. Metade de seu corpo já se foi. Provavelmente seria bem-vindo o alívio da morte. ‘Vou continuar te atormentando?’, não, isso também é absurdo. ‘Vou mandar você de volta se você se comportar?’ Derramar água em gasolina que já está em chamas só vai levar a uma explosão. Sim, a resposta, provavelmente…… não, certamente é, ‘se você resistir’ ‘seus parentes e as pessoas ao seu redor’ ‘eu vou invocá-los e fazer exatamente a mesma coisa com eles’. Honestamente, a última vogal aqui provavelmente foi alongada, com uma nota musical, coração ou um símbolo parecido com uma estrela no final…… ugh.

……, ……, …………………, uh, ugh.

Calma, Yujin.

.

Embora eu já tenha feito isso várias vezes……

‘Essa lunática psicopata e nojenta.’, xingá-la é simples, mas o que vai mudar? ‘Como você pôde fazer uma coisa dessas? Eu não vou te perdoar!’, gritar com ela também é fácil, mas… novamente, o que vai mudar?

Nada.

Isso mesmo. Nada mudará se eu agir com base em minhas emoções. Se eu tentar fazer isso com muita precipitação, então eu ‘não serei mais’ ‘capaz de fazer isso’. Eu entendo do fundo do meu coração que a situação só ficaria muito pior se eu fizesse algo do tipo. Por isso, não faça isso. Fique calmo. Fique de boa, Yujin. Há uma maneira. Uma maneira de fugir deve existir.
(Zero: ‘não serei mais’ e ‘capaz de fazer isso’ está se referindo a ele não ser mais capaz de confiar em suas emoções, já que estaria morto.)

Não houve respiração profunda. Eu simplesmente olhei para a Condessa do Leão de Prata enquanto usava meu cérebro o mais rápido possível.

Okay Yujin, pense nisso seriamente—– !!

.

.

Organize todas as informações que foram descobertas até agora.

.

Primeiro, fui sequestrado por uma lunática de outro mundo.

Segundo, aquela lunática sabe usar magia. Pelo que disse, ela só é capaz de invocar e cancelar essa invocação, no entanto, pode haver mais do que isso.

Terceiro, aquela lunática é uma Condessa. Este é supostamente um mundo diferente, por isso pode diferir com a hierarquia que existe na Terra, mas para essa doente mental, que é proficiente em coreano, se chamar uma ‘Condessa’…… então essa posição deve certamente ser notável.

Quarto, a condição deste outro mundo. Já que a psicopata disse que era uma Condessa, isso significa que, politicamente, esse mundo funciona através de um feudalismo e/ou de um poder real autoritário. Embora também possa ser uma monarquia constitucional como na Grã-Bretanha moderna, onde o título de nobreza é apenas uma fachada, já que ela disse que era a ‘Senhora’ da cidade, então provavelmente não é isso. Portanto, pelo menos enquanto dentro dessa cidade, ela é protegida por autoridade e riqueza esmagadora.

Quinto, aquela maluca não tem intenção nenhuma de me mandar de volta.

Sexto, a maníaca pretende me transformar em um animal de tortura.

E, finalmente, quando morrer depois de me tornar um animal de estimação, usando um ‘pedaço de vida’ que estava em meu corpo, ela vai invocar outra pessoa e fazer exatamente a mesma coisa que fez comigo.

.

Tudo estava cheio de desespero. Bem, desde que descobri que a outra parte era insana, tudo tem afundado em um abismo de desespero.

Independentemente disso, se há uma coisa que posso considerar um alívio, é o fato de que um método de voltar para casa certamente existe. Se essa pessoa decidir me deixar ir embora, isso vai acontecer. Embora se isso se tornar realidade, então certas medidas precisam ser tomadas a fim de impedir que me invoque novamente…… não faz sentido pensar nessas coisas do futuro agora. Para começar, essa garota não pretende me enviar de volta de qualquer jeito.

“Agora, que tal começarmos lentamente–?”

Longe de voltar, ainda preciso saber se vou ser capaz de salvar minha vida. Apertei as contas do rosário com força.

‘Você precisa fazer isso?’, Não. Falas clichês como essa sequer serão capaz de me dar tempo. ‘Começar o quê?’, Me fingir de inocente? Ela provavelmente nem sorriria para isso. ‘Por quê!?!?’, Essa é uma pergunta inútil a essa altura do campeonato. No entanto, se eu continuar me perguntando desse jeito, então posso pelo menos contemplar uma ideia—— É mesmo, a razão principal.

Desde o início, essa garota não está tentando me torturar porque quer algo de mim.

Só porque está entediada.

Só porque quer brincar.

……Esse comportamento dela que não pode ser compreendido ou perdoado da perspectiva de uma pessoa normal. Se algo- é mais como uma lacuna pela qual tentar fugir a este ponto.

“Eu posso.” Eu estufei meu peito e falei. “Entreter você com um método diferente.”

Ela reagiu com um “Hm?” e isso já é bom o suficiente. Eu não esperava que funcionasse desde o início de qualquer maneira.

“Pense nisso. Você deve saber bem se já brincou com outros coreanos antes. Eu não vou ser capaz de aguentar por tanto tempo quanto aquele sapo ali, e já que sou um homem, não serei capaz de produzir leite como aquele anjo. Além disso, minha força de vontade é fraca, então provavelmente morrerei ainda mais rápido.”

“Mas sai leite dali de baixo também. Ou você é um eunuco?”

“Não, quer dizer, sai, mas…… você vai beber?”

“Eh, não. Eu não preciso dele……”

“Não tem bom gosto, e uma criança não deveria estar dizendo algo do tipo.”

Sem deixar de lado a minha atitude usada para lidar com outro ser humano, falei com ela. A Condessa revelou seus caninos afiados como se estivesse insatisfeita.

“Na Coreia pode ser assim, mas não aqui.”

“É mesmo? Se você me der a oportunidade de aprender sobre esse lugar, então poderei me adaptar aos costumes daqui.”

“Você não está planejando um pouco demais? Desde o ínicio.”

“Sim. Mas eu quero viver, e você quer diversão.”

A Condessa mostrou seus caninos e silêncio caiu sobre nós mais uma vez.

Quando o silêncio parecia que ficaria por algum tempo, eu disse.

“[Fufu. Só brincado! Uhah, ah hah ha. Como foi? Você achou que seria capaz de viver só porque eu estava pensando por um bom tempo? Você estava esperançoso? Que pena! Esmagar esse tipo de esperança tola é mais divertido para mim do que ter três refeições por dia.] – Se você pretende dizer algo desse tipo, por favor, não.”

“……….”

Vendo que ela estalou a língua, parece que realmente planejava dizer algo assim. Durante a primeira metade da Guerra dos 8 Anos, eu aprendi sobre o que era a falsa esperança. Embora fosse algo que foi ensinado com força quando eu estava sendo intimidado pela gangue da Chanmi… Parece que não enferrujei, huh.

“O que você vai fazer?”

“……É meio que um pouco, extremamente, irritante, sabia…?”

“Provavelmente porque você não foi capaz de tomar a iniciativa…… Mas a iniciativa em uma conversa como essa não é inútil? Afinal, você pode acabar com a conversa quando quiser.”

“Hmm. Você está dizendo isso pessoalmente? Que inteligenteeeee.”

“Não pense muito quanto a isso. Estou dizendo que você pode me torturar e me matar quando quiser. Literalmente, a qualquer hora. Já que esse é o caso, então é melhor fazer isso depois de se divertir um pouco mais, não? Você sabe sobre a história do marshmallow?”

“Esse é o mangá em que um coelho com uma expressão impassível aparece, né?”

“Não, não esse.”

“Ah. Então é o mangá onde 4 meninas e uma garota alta aparecem? Aquele com um anime.”

Esse é ‘Strawberry Marshmallow’. Esse é bem velho até mesmo na Terra, e é um mangá que só um certo tipo de otakus conhecem. Para uma pessoa de outro mundo, por que sua antena fica virando nessa direção estranha? Antigamente, que tipos de coreanos foram invocados aqui!?

Ah, eu deveria ter notado isso quando ela entendeu o termo ‘chuunibyou‘?

“Simplificando, se você aguentar hoje, então você será capaz de comer dois amanhã, e se você suportar amanhã também, então poderá ter 4 no dia seguinte…… Desse jeito.”

“?? Se é comida, então eu tenho uma montanha de tudo quanto é comida. Quer um pouco de Leite Celeste?”

“Eu não vou beber, então não tire mais. Eu disse para não tirar. Não passe para mim. Eu não vou beber, já disse. Você bebe.”

“Mas é boooooommm.”

Eu soltei suspirei. Parece que consegui suavizar a atmosfera. A Condessa sorriu depois de tirar os lábios de sua xícara.

“Ah hah hah. Sr. Yujin. Por assim dizer, se eu tiver paciência, vou ser capaz de ter uma grande colheita abundante, então eu deveria esperar. É isso? Sr. Yujin.”

“Isso mesmo.”

“E se eu não quiser?”

Silêncio

“Maaasssss. E se ver você passar por uma dor inimaginável e ter uma morte frustrante, agora, é algo que eu quero? Sr. Yuuuuujin.”

Não cerrei os dentes. De qualquer modo, posso concluir que ela não sente nem um pouco de inconveniência por perder a outra parte. Se você colocar isso em termos de contrato, então o lado dela tem a superioridade. Estou em uma posição onde ficaria grato apenas por ter minha vida prolongada. Só porque a atmosfera suavizou, não significa que a questão principal da situação mudou. Eu não me iludi. E apesar de não ter me iludido… eu usei meu cérebro ao máximo.

‘Acho que não há outras opções então- Faça o que quiser.’, não posso. Normalmente, eu teria abaixado minha cabeça desse jeito e recuado, mas agora, posso sentir o cheiro de uma armadilha. <Tsk, eu tinha expectativas, mas isso é tudo que você pode fazer? Já que quer isso, vou te matar.> Por alguma razão, sinto que essas palavras viriam com indiferença. ‘Pelo amor de Deus, por favor, reconsidere.’ Devo me agarrar a ela? Não. Sinto que receberia uma reação tipo e resultaria em minha morte. Entretanto, se alguém perguntasse por que eu pensava isso, então só poderia colocar meu instinto e meu humor como base. ‘Então isso significa que esse é o seu limite.’ Devo agir galantemente? Não, isso só vai lançar um silêncio estranho sobre a situação…… palavras que não vão estragar a diversão…… pense, Yujin. Pense.

……Eventualmente.

Eu disse a Condessa as palavras que vieram a minha cabeça após ter usado meu cérebro ao ponto em que um clank podia possivelmente ter sido ouvido.

Para ser exato, não eram palavras.

Eu me ajoelhei. A Condessa inclinou a cabeça e soltou um “Hm?”. Como se estivesse me curvando, abaixei meu corpo. Depois, enquanto usava movimentos que não exibiam hostilidade, eu estendi a mão e segurei seu pequeno tornozelo.

Neste momento, embora houvesse a possibilidade de que a Condessa do Leão de Prata instintivamente me enviasse de volta para a solitária, ela não o fez. Embora estivesse assustada por um momento, logo após, um olhar de interesse preencheu seus olhos. Graças a isso, sem qualquer interferência, eu trouxe meu rosto para o topo de seu pé com meia preta e,yma_1

“Mm……”

Por um momento.

“Mm…… Faz cócegas, mm, hm. Ah hah ha ha ha. ”

Por um momento.

“Mmm…… mm. Uuuu-. Aah. Pare. Pare logo.”

Eu recuei. O rosto da Condessa, que mexia os dedos dos pés e olhava para mim, estava definitivamente corado.

“Você é bom nisso.”

Técnicas que eu não tive outra escolha senão aprender durante a primeira metade da Guerra dos 8 Anos. Independentemente de quão jovem a pessoa é, se forem ensinadas algo ao apanharem, então não só serão capazes de aprender rapidamente, como também não serão capazes de esquecer o que foram ensinados.

De qualquer forma, esperei momentaneamente. Eu já tinha passado a bola.

Logo depois, a Condessa do Leão de Prata, que estava de braços cruzados e testa franzida, suspirou.

“………, ……Bem, tanto faz. Vou deixar você por enquanto. É, bem, embora eu não tenha certeza de quanto tempo esse ‘por enquanto’ será. Você provavelmente terá que continuar provando para mim que será capaz de me divertir e ser útil. Senão, morrerá imediatamente…… Ah, Jeez.”

Depois de dizer isso, ela resmungou como se não estivesse satisfeita com alguma coisa. Fazer o quê, o pensamento ‘eu estou concordando com o esquema óbvio dele’ certamente estava passando pela sua cabeça. Mesmo assim,

Eu sobrevivi.

Pelo menos, eu fui capaz de escapar do destino de ser imediatamente preso à prateleira e assassinado cruelmente. , Eu me pergunto se a personagem de Mil e Uma Noites, Scheherazade, se sentiu assim?
(Nota: Scheherazade)

……Bem, tanto faz. Eu voltarei para casa vivo.

.

.

.

.

.

(Zero: Ahhhh, acho q esse foi o maior capítulo que eu já fiz mano, meu deus… Bem, deu pra ver que os caps são grandes, então vai levar uns dias pra postar o cap.02~ Sábado ou Domingo provavelmente :3)